Removendo manchas da panela de inox com a Dremel

Olá, Gurias! Tudo certo com vocês? Comigo sim! Por aqui, o verão começou com tudo e, não só o verão, mas o ano também. No final do ano passado (há alguns dias atrás hehe), mas precisamente no dia 26/12, resolvi colocar mão na massa, ou melhor, na Dremel idosa (sério, ela tem mais de 10 anos já, é uma Dremel300, nem tem mais no site da marca hehe) do marido e remover as manchas das minhas panelas de inox que herdei dos meus pais  e que são muito perfeitas. 

Há alguns anos já tinha dado uma "pegada" nessas panelas para tirar as manchas de uso, mas dessa vez resolvi usar mais ferramentas para facilitar a vida: umas lixas, esponjas, polidor, pasta para polimento, paciência e lá fui eu... A única regra do marido, quando soube do sequestro da ferramenta, foi que eu fizesse com atenção e usasse máscara de proteção e luva. Orientação dada, orientação cumprida! 

imagem panelas encardidas e panelas limpas dremel tramontina restauracao

No dia, até fiz umas transmissões ao vivo no meu canal do Youtube, enquanto ia limpando. Se estiver a fim de acompanhar o vídeo original, só dar o play nos vídeos que colocarei aqui... Senão, só continuar a leitura que explicarei como fiz para remover as manchas e depois polir as panelas...

Neste primeiro vídeo, dá para ver essa primeira etapa de remoção da sujeira amarelada, na íntegra. Ah, a cada algum tempo eu passei uma "lixa d'água" porque estava angustiada se ficaria ou não brilhante mesmo hehehe mas depois de um tempo, consegui administrar a ansiedade em ver tudo brilhando logo e foquei só na limpeza primeiro!



Já neste segundo vídeo, fiz uma transmissão ao vivo da segunda etapa da limpeza. Se preferir, só dar o play e conferir os detalhes na íntegra! 


Ambas as transmissões deixei sem áudio, então, são minutos de uma silenciosa restauração das panelas de inox Tramontina, ainda numa tentativa de acerto e erro. Ou seja, não fui explicando durante o vídeo o que eu estava fazendo, apenas fui usando as ferramentas que tinha em mãos: Dremel, lixa d'água, esponjas, pasta de polir...


Como fiz o processo de remoção das manchas das panelas Tramontina Inox usando a Dremel

O primeiro passo foi separar as ferramentas. Para a remoção das manchas, usei desde uma esponja verde que encaixava na ponta da Dremel, até uma ponta que parece uma escova de aço heheh Vou colocar as imagens delas que fica mais fácil de compreender ;) 

acessórios remoçao manchas inox dremel restauracao
Ah, e esse óculos de proteção que eu uso é perfeito, pois cabe o meu óculos de grau dentro dele!


Dica: a Dremel que eu usei não é tão pesada quanto uma furadeira, mas também não é tão leve quanto uma caneta, Então, o conselho é: ligar a ferramenta e sentir o peso mais o movimento dela antes de encostá-la no objeto e mais: segurar a Dremel com a mão firme, para ela não dar "soquinho" de volta quando encostar a ponta na panela, por exemplo hehe Esse foi o conselho do marido e eu percebi logo  de cara que precisaria segui-lo, se não quisesse ficar levando susto e nem me machucar. 


Comecei umedecendo a panela com água e detergente, já que a primeira ponta que escolhi foi a que parece uma esponja de cozinha. Passei essa ponta várias vezes sobre os locais que tinham as manchas. Percebi que para as manchas amarelas, funcionou muito bem. E quando eu falo passar, foi só passar mesmo, sem  apertar a ponta na panela. Ou seja, o meu esforço foi só coordenar o lugar onde teria que passar a esponja e deixar a ferramenta fazer o trabalho dela. 


panela tramontina fundo manchado restauracao com dremel


Algumas passadas da Dremel com esponja e água depois, chegou a hora de limpar os detalhes, os cantinhos pretos que me incomodam, que me dão a sensação de sujeira. Para essa parte, comecei passando na frestinha da panela uma "ten blade" (que nada mais é do que uma lâmina afiada e bem fina!)  e depois, um pouco da Dremel com a ponta de esponja alternando com a ponta de aço, que parece uma escovinha


limpando os cantinhos da panela de inox gordura na borda da panela dremel restuaracao


No encaixe do fundo da panela com a lateral, tem um "friso". Eis que esse cantinho enche de gordura e sujeira... Eis onde também passei a "ten blade" e depois a Dremel com a ponta que parece uma vassourinha de aço. 


usar a dremel para remover gordura encrustada panela tramontina inox


Como não consegui sustentar a Dremel para o cantinhos mais delicados, optei por usar só a escovinha de aço dela para limpá-los. Após essa limpeza "mais grossa", resolvi usar a pasta de polir da Tramontina, que promete remover manchas e dar brilho. Passei uma camada da pasta, e continuei limpando com a escovinha.


pasta tramontina dremel restaurando panela de inox antiga


pasta tramontina polir e dremel restauracao panela inox antiga


Depois, enxaguei bem e (vale dizer que, durante o enxague, passei uma escova - aquelas de roupas mesmo, de cerdas firmes - para ajudar a tirar os resquícios da pasta e das sujeiras das "frestas" que tem no encaixe do fundo e da borda da panela. 

Apliquei mais uma camada da pasta de polir e, com o auxilio da Dremel e da ponta "fofinha", poli os cantinhos da panela. Nas partes maiores, usei uma flanela seca mesmo. 


polindo panela antiga tramontina com pasta de polir e dremel


Depois de polida, enxaguei mais uma vez e aí sim, ficou desse jeito como está nas fotos a seguir! Após terminar essa panela, não me aguentei e acabei limpando outras duas do mesmo conjunto que também são grandes, e as tampas delas. 


remover manchas panela inox tramontina gordura encrustada

Vale a pena limpar as panelas de inox usando a Dremel e a pasta de polir da Tramontina?

Possivelmente essa é a pergunta que passou pela sua cabeça, né? Na minha passou várias vezes, inclusive enquanto eu ia limpando/restaurando as panelas. Por aqui, levei quase uma hora na primeira panela. Já nas outras duas, que tinham mais sujeiras nos cantinhos e menos no fundo,  e nas tampas que estavam com a borda tão suja quanto o encaixe do fundo desta panela que mostrei nas fotos, levei mais umas duas horas aproximadamente... No total, quase três horas de diversão! 

Sobre as ferramentas e produtos que usei na restauração da panela de inox...

Senti que a Dremel ajudou MUITO, pois apesar de ter sido demorado o processo de limpeza, quando terminei eu não estava nem com dor nos braços e nem com as unhas destruídas (usei luvas na maior parte do tempo, o que acabaria não fazendo se estivesse lavando com esponja!). 

Ah, e para quem ainda tem curiosidade sobre a tal "Dremel" que tanto falei aqui nessa publicação, a que o marido tem, não é o modelo 4000, lindo, que vem numa maleta completíssima. Trata-se ainda de uma decenária Dremel 300, um pouco menos potente mas que deu conta do recado.

 

dremel restauração de panela de inox dremel 4000 com acoplamento sonho de consumo


dremel decenario dremel 300 usada para restauracao panela inox


Um acessório que talvez tivesse facilitado a minha vida para não ter que ficar segurando o peso da ferramenta, seria um complemento da retífica que parece uma caneta. Já vi algumas vezes nos sites por aí e está na minha lista de desejos para quando eu tiver minha própria Dremel, 


acoplamento dremel e suporte eixo flexível dremel caneta restauracao detalhes


Já sobre a pasta de Polir e tirar manchas da Tramontina, sinto que a maior diferença dela é no "polir". Dá um brilho diferente quando comparado aos saponáceos e similares, sem falar, que não deixa risquinhos na panela. Então, no meu ponto de vista, a pasta da Tramontina é válida em se tratando de polimento de inox. Para a promessa de remover manchas, nas outras panelas não usei (tal como mostrei que usei nesta aqui) e não senti falta. Então, achei desnecessário.

   


O resumo do dia é que tenho três panelas de inox novas! Dessa coleção, só ficou para trás a panela pequena, que uso para fazer arroz. Ela é menor, tem mais cantinhos delicados, por conta do modelo da retífica que eu estava usando não ser tão leve para segurar (na experiência que tive com as panelas maiores, pelo menos!), acabaria tendo mais trabalho manual. Como a canseira para essa dedicação já estava batendo, precisarei retomar essa missão em outro momento... 



Confesso que estou pensando em aproveitar o momento do dia que for limpar a panela de arroz, para restaurar a minha cuia de chimarrão e limpar os cantinhos dos talheres... Quem sabe?! 

E você, já fez algo parecido? Se sim, conta aí como foi! O meu pai sempre lavou essas panelas deixando-as de molho em água e soda, mas confesso que não tenho coragem de fazer isso, então, vou no manual mesmo. 

Bjinhos, bjinhos,

Ana Laura 

2 comentários

  1. kkk... você foi intensa na limpeza aí!!! sugiro, para manter o brilho (e não precisar usar o maquinário pesado tão cedo) lavar as panelas com sapolio cremoso após o uso. Vai manter a limpeza e ressaltar o brilho sem te dar nenhum trabalho... Bjs.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. guria, fui mesmo. Pois é, tenho usado no corpo da panela, mas a minha birra é com os encaixes. Essas panelas tem umas "frestas" que me incomodam. Mas vou usar essa sua ideia, de usar com mais frequência o saponáceo, volte e meia acabo esquecendo :( Meu pai inclusive me mostrou que ele coloca em um potinho: água morna, detergente e saponáceo. E aí lava as panelas e demais inox com essa misturinha :)

      Obrigada pelo carinho e por compartilhar essa dica! bjs

      Excluir

Deixe o seu comentário aqui.