3 receitas para inovar nos drinques de Natal e Ano-Novo

Receitas que trazem significados como união e renovação são opções para quem busca alternativas ao espumante


São Paulo, dezembro de 2021 – Seguindo a tendência de abordar a versatilidade do universo etílico, destacando novidades, curiosidades e dicas de mercado, o BCB São Paulo convidou dois especialistas na arte da coquetelaria para propor três drinques para as festas de Natal e Ano-Novo, a bartender e consultora argentina, Chula Barmaid, e o bartender, consultor e pesquisador de cultura alimentar, Maurício Campos. O objetivo é apresentar novas possibilidades para quem busca alternativas ao tradicional espumante.

“Apoiando sempre a diversidade e a criatividade dos profissionais da área, procuramos destacar as possibilidades da coquetelaria tanto para quem busca diferentes experiências de consumo, como também para as pessoas que têm o hábito de inovar”, afirma Thaize Rolnik, gerente de marketing do BCB São Paulo. 


Vinhos: leveza, cores e sabores

Morando no Equador, onde atua em um projeto de inauguração de um bar em meio à natureza, Chula conhece os diferentes perfis de consumo dos brasileiros. Ela trabalhou em um conceituado estabelecimento paulistano entre os anos de 2018 e 2021. Para as comemorações de fim de ano, aposta na diversidade das cores e sabores em dois drinques: Verde Natal e Tinto Verão. Ambos misturam os fermentados de uva com frutas cítricas como morango, tomate, laranja, limão; ervas como manjericão; e especiarias como canela e gengibre.

“As bebidas fazem parte da tradição das mesas de fim de ano e não podemos negar sua importância, principalmente após dois anos de pandemia, em que muitas pessoas perceberam que beber não é para se embriagar, mas para entender e experienciar o maravilhoso mundo dos sabores. Particularmente, tenho uma paixão por preparar jarras grandes nesta época do ano, principalmente com vinho. Isso me lembra as festas em família”, afirma Chula, que tem como base do seu trabalho a criatividade.

Além do colorido e da diversidade de sabores que agradam aos olhos e aos diferentes paladares, as bebidas são refrescantes e leves, com baixo teor alcoólico.

Cachaça: renovação e misticismo

O bartender Maurício Campos já percorreu o País pesquisando a cultura alimentar e se estabeleceu em Fortaleza (CE), onde tem criado coquetéis que levam como ingredientes produtos do bioma da Caatinga. Alguns deles, representantes da cultura indígena. Com base nisso, criou uma receita indicada para o Réveillon: o drinque chamado Luar. Segundo o profissional, a proposta, que tem a ver com a renovação das energias para o próximo ano, é preparada com cachaça, mocororó - um fermentado de origem indígena - e água tônica e, na decoração, castanhas de caju.

“O Luar representa a claridade da Lua fruto da reflexão solar. É tudo o que queremos para 2022, um ano iluminado e de muita paz para o povo brasileiro. Nesses momentos (réveillon), precisamos revisar nossos conceitos e crenças em relação a tudo, inclusive, o que beber e porque beber”, declara Campos.

O especialista ainda indica que quem não tiver acesso ao mocororó, pode incluir vinho de caju no preparo.

Para quem quiser inovar nos brindes de fim de ano, os especialistas disponibilizaram as receitas. Confira abaixo:


Tinto Verão

- Vinho tinto (750 ml);

- 10 tomates cereja cortados em rodelas;

- 10 morangos maduros fatiados;

- 2 laranjas bahia cortadas em rodelas;

- 100ml de xarope simples.

Modo de Fazer: Misture todos os ingredientes em uma jarra de 1 litro, deixe macerar durante 2 horas.

Acrescente gelo e alguns ramos de canela para finalizar.


Verde Natal

- Vinho branco (750 ml);

- 1 banana cortada em fatias finas;

- 1 pepino cortado em rodelas;

- 1 Limão siciliano cortado em rodelas;

- 15g de fatias de gengibre;

- 100ml de xarope simples.

Modo de Fazer: Misture todos os ingredientes em uma jarra de 1 litro, deixe macerar durante 2 horas.

Acrescente gelo e alguns ramos de manjericão. Pronto!

 
Luar

- Cachaça (30 ml);

- Mocororó (50 ml) ou Vinho de Caju;

- Completar com Água Tônica;

- Copo: Long Drink.

Decoração: Castanhas de Caju.

Modo de Fazer: Coloque gelo no copo, juntamente com a cachaça e o mocororó. Depois é só acrescentar água tônica e mexer suavemente com a bailarina ou colher de bar. Para finalizar coloque 3 castanhas de caju como decoração por cima do gelo.

Sobre o BCB São Paulo

É a principal feira de destilados premium para profissionais que trabalham com bebidas em bares, restaurantes, hotéis e eventos no Brasil e na América do Sul. A primeira edição, realizada em 2019, foi muito bem recebida pelo setor pela mescla de negócios, networking e conteúdo qualificado, reunindo grandes referências nacionais e internacionais. O BCB São Paulo traz para o país o conceito de sucesso na Alemanha, onde acontece desde 2007, e nos Estados Unidos, desde 2018. Saiba mais em www.barconventsaopaulo.com.br

 
Gurias!!!
Esse conteúdo foi enviado pela assessoria KB!COM | Comunicação Corporativa. Ainda não experimentei as receitas, mas como achei práticas e interessantes, resolvi compartilhar! 

Se fizerem alguma, me contem como foi a experiência. E, se eu fizer, volto a compartilhar aqui!

Bjinhos, bjinhos
Ana Laura

0 comentários

Deixe o seu comentário aqui.