Como fazer fatias de abóbora cabotiá ao forno

Olá, gurias! tudo certo com vocês? Comigo sim!

Gurias, hoje o papo é sobre comida! Sou uma fã irremediável da abóbora cabotiá, também conhecida como abóbora japonesa. Gostei dela de tudo quanto é jeito que já experimentei. Depois de tê-la feito de algumas maneiras, mais de uma vez, resolvi compartilhar as receitas por aqui. A de hoje será a famosa e deliciosa abóbora cabotiá ao forno e é dedicada a minha amiga Daia, que sempre me pediu há algum tempo que eu registrasse-a de forma detalhada para que ela também pudesse fazê-la.



A abóbora cabotiá com ervas e azeite ao forno é com certeza uma das minhas preferidas. Pois ficam deliciosas tanto quando recém feitas, quanto após congeladas e descongeladas. Então, vamos ao preparo das famosas e deliciosas fatias de abóbora cabotiá ao forno.

Ingredientes:

  • Abóbora cabotiá
  • temperos a gosto - gosto de usar alecrim, ervas de provence, cebola, alho inteiro, sal, páprica defumada...
  • azeite
  • forma antiaderente


Modo de preparo:
Primeiro coloco a abóbora lavada dentro de uma panela com água na qual caiba por inteiro. Aqui uso uma panela de 6 litros e a cada pouco dou uma virada na abóbora heheh. Deixo a água ferver, coloco a abóbora e espero dois a três minutos. A abóbora muda um pouco de cor. Espeto um garfo e, quando sinto que a casca está mais macia do que no início, desligo. Espero esfriar para então cortar a abóbora ao meio.

ao aquecer a abóbora na água, a casca fica mais macia e mais fácil de cortar. Se quiser, pode ir na força e na coragem e cortar sem fazer esse passo, mas eu acho quase impossível.

Como aqui em casa só eu como a abóbora de qualquer forma que ela for preparada, corto-a ao meio e uso metade para fazer ao forno e a outra parte preparo de outras maneiras. Assim, tenho diversidade de pratos com uma única abóbora e me sinto mais empolgada em prepará-la.

Corto em fatias de dois dedos - é como eu gosto! Passo um fio de azeite na forma e coloco as abóboras fatiadas. Agora, fios de azeite sobre a abóbora e os temperos a gosto. Conforme o ânimo, dou uma variada. Ultimamente tenho ousado e usado até páprica defumada hehe.



Feito isso, levo ao forno (180ºC) até que fique com a casca enrugadinha e uma aparência de seca. Viro e deixo mais alguns minutos. Gosto delas sequinhas por fora.

 

Depois de assadas, espero esfriar e embalo. Costumo guardar a porção que vou comer em uma mesma refeição. Normalmente, tiro o ar com um canudo para deixar fechada "à vácuo", além de ajudar a conservar, fica melhor na hora de colocar tudo no freezer. 



Aliás, se você não sabe como fechar uma embalagem à vácuo, em casa, só com um canudinho, confere o vídeo rápido que eu fiz!




E você, é do time que ama ou odeia essa abóbora? Eu sou suspeita, pois abóbora é com toda a certeza uma das comidas que mais amo na vida. Dá para perceber pela quantidade de receita que tem aqui no blog usando os mais diversos tipos de abóbora, né?

E você fizer de algum outro jeito que ainda não está por aqui, compartilhe comigo. Vou amar saber!
Bjinhos, bjinhos,
Ana Laura

0 comentários

Deixe o seu comentário aqui.