Brechós (em Joinville): reutilizar é a palavra da vez!

Olá, Gurias! Tudo em ordem com vocês? Comigo sim...

Gurias, tem algum tempo que estou coletando informações para fazer esse post, já que a ideia é reunir a voz das consumidoras e das empresárias. Trocar ideias sobre o porque de brechós fazerem tanto sucesso em grandes países/grandes centros e não emplacarem em cidades menores... 


Apliquei um questionário para os dois públicos! Descobri que tem MUITA gente que consome roupas que são desapegos de outras e MUITA gente que desapega sem dó nem piedade, de peças em excelente estado e por preços muito bons... ou seja, deu para perceber que a ideia de reutilizar, repassar, está indo além dos filmes, séries blogues e livros... Finalmente as pessoas estão percebendo a necessidade socioambiental daquilo que as minha mãe e tias já faziam quando éramos crianças: aproveitar as roupas e calçados entre os primos :) Tenho que confessar que na época eu não gostava muito, mas hoje em dia eu adoro isso!

Aqui em Joinville, tenho alguns brechós e vendedoras que estão na minha lista de preferidos e inclusive já consegui criar o hábito de estar sempre de olho nas redes sociais delas para saber se entrou algo novo para mim! 
Aliás, para quem quer garimpar peças de qualidade essa é uma boa dica:? ficar sempre de olho e nunca comprar só porque o preço parece bom (já caí nessa #cilada!)
Para vocês terem uma ideia do que as pessoas buscam quando estão atrás de um brechó, confiram os resultados da minha pesquisa!
 
 O que te levou a começar a comprar em brechós?
Gosto das opções
Pelo custo e qualidade
Qualidade
Preço acessível de marcas famosas
O consumo consciente.
Sustentabilidade
O Baixo custo por peças extraordinárias que as vezes pode ser encontrado
Peças excelentes e com bom preço
 Qual ou quais brechós você é cliente e indica?
  • Re Cloth
  • Pé de feijão
  • Brechó Novo de Novo
  • Lar de Meninos João de Paula
  • B. Garage Vintage
  • Pirulitando brecho infantil
  • Formosa brechó
  • Brecho Chic
  • Cosmonauta
  • Anjinho Travesso
  • Simplesmente brechó
  • Trinca Z
Gráfico de respostas do Formulários Google. Título da pergunta: Como você descobriu o (s) brechó (s)?. Número de respostas: 14 respostas.




Gráfico de respostas do Formulários Google. Título da pergunta: O (s) brechós que você é cliente, tem redes sociais?. Número de respostas: 14 respostas.


Gráfico de respostas do Formulários Google. Título da pergunta: Sobre os brechós virtuais, como o famoso Enjoei, você:. Número de respostas: 14 respostas.



 E para quem morreee de curiosidade em saber por que alguém começa a ter um brechó (e quem sabe até se inspirar e empreender nesse ramo também), confira o lado das empreendedoras!

O que te levou a abrir um brechó?
Para vender peças de valor acessível e reverter a venda para a caridade
Pelo custo
Comecei vendendo meus desapegos e vi também que os preços são ótimos já que roupa nova é um absurdo; o mais legal é que o cliente encontra peças exclusivas, que teve uma história, com um preço bacana
Comecei por causa de uma ideia que tive na faculdade, que era roupas de brechó customizadas. A ideia é dar um novo estilo a peças esquecidas em brechós ou armários de amigas;
Oportunidade para trabalhar em um negócio próprio, tentei recolocação no mercado e não consegui;
Amor... amo poder garimpar e encontrar algo que as vezes nem se encontra mais por vários motivos. Sem contar o valor que pagamos muito abaixo do que foi pago na loja por ela ser nova;
Devido a falta de um local bacana pra compra e venda de melhores peças;
E esses foram os brechós (empreendedoras) que participaram da pesquisa...
  • Brechó Grupo Amor Que Cura (Joinville/SC)
  • B. Garage Vintage (virtual)
  • Kifofinho brecho infantil e Espaço fashion brechó (Joinville/SC)
  • Amize - (virtual)
  • Anjinho Travesso Moda e Brechó Infantil (virtual)
  • Simplesmente Brechó (virtual)
  • ReCloth Brechó de Boutique (virtual)

E você, é cliente em algum brechó ou tem o seu próprio brechó? Participe da pesquisa clicando AQUI, assim conseguiremos deixar esses dados sempre atualizados!

Eu já contei a minha experiência sobre as compras no Brechó Virtual Enjoei, então, se você ainda não leu, vale a conferida no post AQUI! Certamente matou a curiosidade de muita gente que ainda não teve coragem de comprar por lá.

Aqui em Joinville eu já comprei (e compraria de novo):  
  • ReCloth: a loja é muito cheirosa, mas precisa garimpar com calma e com frequência. Preço justo, bom atendimento e qualidade. Não gostei de participar dos domingos de bazar, é muita gente para pouco espaço. Prefiro ir durante a semana. Voltada para o público feminino.
  • Simplesmente Brechó: atende pelo whatsapp e leva em casa. Preço justo e qualidade.
  • Repeteko: atende pelo instagram e tem loja física. Bom atendimento, variedade e qualidade. É uma loja física voltada para o público infantil. 
  • Formosa Brechó: loja com muitas peças legais; precisa garimpar com calma. Bom atendimento, preço e qualidade estão presentes!
Gurias, espero que tenham gostado! E espero ler as experiências de vocês também!
 
Bjinhos, bjinhos,
Ana Laura

0 comentários

Deixe o seu comentário aqui.