sábado, 30 de abril de 2016

Drop Dead Diva: uma série para relaxar

Olá, gurias! Tudo em ordem com vocês? Comigo sim...

Na semana passada nos rendemos a um teste com a Netflix aqui em casa... ainda não decidimos se de fato assinaremos ou não, mas confesso que agora que descobri alguns seriados novos, estou bem tendenciosa a abrir mão da televisão acabo (que quase não assisto) por ela hehe 

Eis que entre os seriados novos que estou assistindo, descobri mais um que é MUITO a minha cara: Drop Dead Diva. 


Drop Dead Diva é mais um daqueles seriados "mulherzinha", como dizem por aí, e estou achando perfeito para passar o tempo de forma descontraída, sem ter que ficar usando meu cérebro ou sem ficar ativando demais a minha imaginação e consequentemente minha hiperatividade (sim, seriados como Heroes (uma das séries que vejo com o marido e que ainda tenho que contar por aqui!) deixam minha imaginação a mil e não consigo dormir nem parar de pensar neles hehe

Pelo que li, essa série já passou na televisão aberta, em 2011, com o nome Sob Medida. Como nessa época eu era muito viciada em Gray's Anatomy, Dr. House e Gossip Gril, parece-me que não restava tempo para descobrir mais uma série. 

Para facilitar, e agilizar o processo sem eu dar muito spoiler, aí vai um resumão básico da Wikipédia para vocês terem uma ideia de como é a série dramática queridinha da vez...


A série conta a história de Deb Dobkins, uma fútil aspirante a modelo que morre em um acidente de carro. Ao chegar ao céu, descobre que está zerada: sem pecados e sem boas ações. Inconformada, aperta "return" no computador do anjo Fred e acaba no corpo da advogada que sofre com excesso de peso: Jane Bingum, que estava na mesa de cirurgia, após levar um tiro dentro de seu escritório.



A princípio inconformada, Jane vai se acostumando ao novo corpo fazendo uma junção da sensibilidade da modelo com a inteligência da advogada. As únicas pessoas que sabem sobre ela são sua melhor amiga, Stacy Barnett, e Fred, mandado para a Terra para ser seu anjo da guarda.



Com um novo corpo e uma nova vida, Jane terá que conviver com os colegas de trabalho que pertenciam a verdadeira Jane: a assistente pessoal de Jane, Terri Lee, que acaba se tornando além de sua amiga, também sua fortaleza; a rival de Jane, Kim, uma advogada esnobe que detesta Jane; o chefe mulherengo de Jane, J. Parker e o grande amor da sua vida quando ainda era Deb, Grayson. 

Jane e Kim - 1ª temporada
Gurias, apesar de ainda estar na metade da primeira temporada, estou amando. É uma daquelas séries que conto as horas para terminar logo as tarefas obrigatórias para poder correr ver pelo menos um episódio antes de dormir... Hoje, em especial, fiz uma maratona e vi quatro episódios seguidos. E, assim que publicar esse post, voltarei para minha maratona hehe

Para quem gosta de um drama, recheado de emoções, alegrias e um pouco de vida real, vale a pena assistir! Ah, sem falar nos looks da Kim, um mais lindo do que o outro! Ainda vou acabar fazendo uma pasta no Pinterest só com os looks dela! 


E vocês, que tipo de série gostam? Estão vendo alguma (s) nesse momento?

Bjinhos, bjinhos,
Ana Laura

sexta-feira, 29 de abril de 2016

Gorros divertidos - em crochê

Olá, gurias! Tudo em ordem com vocês? Comigo sim...

Gurias, com a temperatura aqui abaixando a cada hora que passa, nada melhor do que continuar com minha seleção de coisas para aquecer. E, continuando o tema que comecei ontem por aqui, com as mantas divertidas em crochê, o post de hoje é sobre gorros divertidos... Ok, sei que somos adultos e que a sociedade espera que sejamos sérias. Bem, quem não quiser usar e seguir as regras da sociedade, lembre-se das crianças a sua volta, pode ser que elas gostem desses gorros! hehe


Como faço parte dos adultos que não curte usar gorros, já sei que acabarei só olhando esse monete de fotos que selecionei e ficarei sonhando em parar para fazer pelo menos um para cada sobrinha... Mas sei também que não mando tão bem assim no crochê e que a melhor coisas ainda é encomendar da minha tia, a  Eli do Crocheteando

Agora, chega de papo e bora conferir as seleções de gorros que fiz !



































Sério, como não desejar? Até eu que sou mais chata com essas coisas de colocar na cabeça fiquei com vontade de ter um desses... Em especial os dos dragões! 

E vocês, gostam dessas coisas? Tenho certeza que minhas cobrinhas mais novas irão amar as da Frozen, né  mana +Juliana  e mãe +Eroni?!

Ah, assim como as mantas, encontrei todas essas imagens de gorros lá no Pinterest! Confira minhas seleções por lá! 
Bjinhos, bjinhos,
Ana Laura 

quinta-feira, 28 de abril de 2016

Mantas divertidas feitas em crochê!

Olá, gurias! Tudo em ordem com vocês? Comigo sim...

Esfriou por aí? Aqui sim! E como faço parte do time que ama um friozinho, estou amando! A propósito, já comecei a separar MUITA coisa linda e inspiradoras para postar por aqui sobre esse assunto. Quando eu era criança eu tinha uma manta com gorro igual a das histórias da Chapeuzinho Vermelho. Cresci e a minha paixão por mantas e coisas divertidas só aumentou. Então, eis que nasceu o post de hoje: mantas divertidas em crochê (ou tricô). 


Como sou apaixonada por mantas, fiz uma seleção de mantas divertidas feitas em crochê (ou tricô). Certeza que teremos MUITOS adultos querendo ser criança de novo, depois desse post! hehehe... Eu estou em dúvida a respeito de qual vou das mantas que darei uma choradinha para minha tia +Eli Avila, que tem essa página aqui no Facebook Crocheteando (curte aí) e que é uma experta nesse artesanato, para fazer para mim!


 







A minha predileta é a de sereia! Até já imagino usando uma dessas enquanto vejo minhas séries ou leio meus livros prediletos... Até mesmo para usar enquanto estou sentadinha (como agora) na mesa do escritório digitando no blog e sentindo minhas pernas congelarem...

E vocês, qual mais gostaram? Também voltaram a ser criança ao ver essas mantas? Essas ideias todas vieram lá do Pinterest. Inclusive tenho uma pasta só sobre isso por lá! Confira!

Bjinhos, bjinhos,
Ana Laura 
testando